...

Dia 24/03, período matutino, mal entro no msn e uma figura vem falar comigo. Havíamos nos falado somente na vez que nos adicionamos e isso faz mais de um mês. Eis que conversamos amigavelmente e sutilmente fui convidada para ir ao Shopping, bater papo furado e nos conhecermos, obviamente.

Achei interessante a forma sutil do convite e não vi problema em ir. Enfim, final de tarde nos encontramos e diga-se de passagem, pessoa agradável, inteligente e de boa conversa. Para mensurar o tempo da primeira convivência, cheguei por volta das 18h e somente quando vimos algumas lojas fechando nos demos conta de que era hora de ir embora. hehehe

Acabei oferecendo carona, pois apesar de tudo, estava uma chuva torrencial. Uma parada obrigatória foi na cabeceira da ponte e lá ficamos conversando mais ainda e me encantou a variedade de assuntos e consequentemente de conhecimentos ecléticos. Sim, ficamos e foi meio que bem natural e igualmente sutil.

Mas ao longo disso tudo, paira em mim a dúvida e confronto interno, digamos até que um preconceito da minha parte. O que me assola? A aparência. Não sei porque, mas infelizmente (podem me condenar por isso) não evolui nesse quesito e beleza pra mim é atraente e envolvente.

Ontem (domingo) saímos novamente e como não diferente do outro dia, foi bom,mas admito que não estou gostando do tom que as coisas estão encaminhando. Já ganhei até aqueles apelidos bobos que namorados possuem. Pode isso?!

Ah sim, eu deixei bem claro o que se passa em meu coração e falei que ele está tomado por paixão. E no intervalo entre ficar, um dia de distância e ficarmos novamente, contei pra minha "paixonite" o que sentia e assim meu coração se livrou desse "segredo", mas isso é história para outro hora.

Uma boa semana.

Vanessa Paiva

Aficcionada por tecnologia e tudo mais que for prático e funcional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário